Interesse Público

quarta-feira, setembro 06, 2006

O Simplex e as Festas Populares


Chega o Verão, e começam as festas populares, as apeladas "festas de aldeia".
È das épocas do ano em que se "sente" o clima de festa....os imigrantes ("Jean Pierre anda cá!"), o cheiro a farturas (hum...aquele cheirinho a óleo de 20 dias), os papelinhos coloridos, os buracos nos passeios onde estão colocados os postes com luzes coloridas, os conjuntos musicais (cada vez mais sofisticados...mas ainda existem conjuntos do antigamente (três músicos para 8 instrumentos), entre outros aspectos "típicos" de cada lugar.


Mas, no clima de mudança e modernização em que vivemos, sendo o SIMPLEX o projecto governamental com maior visibilidade, as festas de aldeia não poderiam ficar para trás! Neste sentido vemos grupos musicais com três vocalistas, sete bailarinas, e um músico (DJ); vemos os indianos, mais conhecidos por "monhês" a vender não só rosas, como também tudo aquilo que é possível vender numa feira....sim, ainda não vendem animais verdadeiros (talvez para o próximo ano), por agora tentam vender os papagaios que falam duas frases..."Como te chamas?" e "Quero ser como tu!".

Outro sinal de modernização do arraial é a tentativa de cumprimento de todas as normas de higiene e segurança exigidas pela UE. Nesse sentido vemos as cozinheiras rechonchudas com touca de cozinha e luvinha de latex, os baldes do lixo com as devidas separações para a reciclagem (garrafas de sumol e cerveja Cintra num lado, caricas noutro, e restos de pregos bifanas, saladinha de polvo e pãozinho de ontém noutro). Mas a grande novidade deste ano, foi a introdução das caixas registadores "intouch"! Meus amigos isto é a loucura! Enquanto que o Intermarche tem uma caixinha registadora onde apenas sai um talão e obviamente a caixa do dinheiro, a festa de aldeia de Semeando (aldeia transmontana) está munida de 7 caixas registadoras do tipo "intouch"!

Já não podemos negar, a modernização chegou e está para ficar. E não venham dizer que ainda não chegou ao interior do país! Um aplauso para todos os organizadores de festas de aldeia que colocaram este Portugal no topo das festas de aldeia de toda a UE e "quiçá"do mundo!

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home